3deko.info

Olá, meu nome é Pablo e criei este blog para ajudar os estudantes portugueses a estudar. Carrego milhares de arquivos úteis toda semana

BAIXAR LIVRO IMUNOLOGIA BASICA ABBAS


Enviado por. Download de Livros da Saúde: Download livro Imunologia Básica, Abbas, 3ª edição Abul K. Abbas, MBBS Distinguished Professor in Pathology. Compreenda todos os conceitos essenciais em imunologia com o livro Abbas Imunologia Básica 4ª Edição. Abbas Imunologia Básica é uma fonte de recursos . Encontre Livro Imunologia Básica 2ª Ed. Abbas Download no Mercado Livre Brasil. Descubra a melhor forma de baixar online.

Nome: livro imunologia basica abbas
Formato:ZIP-Arquivar (Livro)
Sistemas operacionais: Android. Windows XP/7/10. iOS. MacOS.
Licença:Apenas para uso pessoal (compre mais tarde!)
Tamanho do arquivo:23.61 MB

LIVRO ABBAS BASICA BAIXAR IMUNOLOGIA

Alessandra Aldé. Ops ocorreu um erro ao imunologa a sua lista por favor tente novamente. Urbanismo Ecológico. O livros usados podem apresentar amassados, marcas, manchas, riscos ou sinais de uso. Universos Da Arte. Salzano Masini. Livros relacionados. Publisher, Elsevier medicina. Conheça os detalhes das observações experimentais que formam a base da ciência da imunologia em níveis moleculares, celulares, e de todo o organismo e tire as conclusões apropriadas. Livros de imunologia, bioquimica, biologia molecular, genetica. WebShop Infos. On: April 30, Receba em casa 0 Retirar na loja 0.

Compreenda todos os conceitos essenciais em imunologia com o livro Abbas Imunologia Básica 4ª Edição. Abbas Imunologia Básica é uma fonte de recursos . Encontre Livro Imunologia Básica 2ª Ed. Abbas Download no Mercado Livre Brasil. Descubra a melhor forma de baixar online. Download de Livros da Saúde: Download livro Imunologia Básica, Abbas, Imunologia Celular e Molecular (eBook) Livros De História, Enfermagem, Estudo, . Pergunta Link para download do livro Imunologia Celular e Molecular do Abbas 8ª Ed enviada por Elenilson Maximino Bernar. Abbas Imunologia Básica é uma fonte de recursos d. Detalhes do livro aqui e faça download de trechos do novo ABBAS IMUNOLOGIA BÁSICA 4ª EDIÇÃO.

Que tipos de resposta imunológica protegem os indivíduos contra as infecções? A imunidade inata é filogeneticamente mais antiga, e o sistema imunológico adaptativo mais especializado e poderoso evoluiu posteriormente. Alguns mecanismos p. A resposta imunológica adquirida se desenvolve mais tarde, sendo mediada pelos linfócitos e seus produtos. Os anticorpos bloqueiam as infecções e eliminam os microrganismos, enquanto os linfócitos T erradicam os patógenos intracelulares.

A cinética das respostas inata e adquirida é aproximada, podendo variar nas diversas infecções.

Abbas - Imunologia básica

Na imunidade humoral, os linfócitos B secretam anticorpos que eliminam microrganismos extracelulares. Na imunidade celular, diferentes tipos de linfócitos T recrutam e ativam os fagócitos para destruir microrganismos ingeridos e matam células infectadas. Na imunidade passiva, o indivíduo virgem recebe as células p.

Especificidade e Diversidade O sistema imunológico adquirido tem o potencial para distinguir entre milhões de antígenos ou parte de antígenos diferentes. Este capítulo aborda a natureza dos antígenos reconhecidos pelos linfócitos. O Capítulo 4 descreve os receptores usados pelos linfócitos para detectar esses antígenos.

A primeira é a baixa quantidade de linfócitos virgens específicos para qualquer antígeno, que pode ser menor do que um em cada linfócitos. Por exemplo, a defesa contra um microrganismo p. A resposta a ambas as questões é que o sistema imunológico desenvolveu um sistema altamente especializado para capturar e apresentar antígenos aos linfócitos.

Imunologia Basica (eBook)

Esse é o principal ponto abordado neste capítulo. Os peptídeos se ligam às moléculas do MHC por resíduos de ancoragem, que ligam os peptídeos às fendas nas moléculas do MHC.

O receptor de todas as células T reconhece alguns resíduos do peptídeo e alguns resíduos polimórficos da molécula do MHC.

O MHC é um locus genético cujos produtos proteicos principais desempenham o papel de moléculas apresentadoras de peptídeos no sistema imunológico. O modo como as células T aprendem a reconhecer os peptídeos apresentados somente pelas moléculas do MHC próprio é descrito no Capítulo 4. Os linfócitos T virgens precisam ver. Os mi-. As células T efetoras diferenciadas precisam reconhecer outra vez os antígenos, que podem ser apresentados por diversas APC, para ativar as funções efetoras das células T nas respostas imunológicas humorais e mediadas para células.

Saraiva Livros Ciências Biológicas Biologia. Error ao solicitar Avise-me. Saiba como Ler seus E-books. Encontre perto de você.

baixar baixar Produto Esgotado. Receba em casa 0 Retirar na loja 0. Os Drs. Abul K. Abbas, Andrew H. Ativa ainda célula B, necessitando para tal de fatores adicionais, como IL Os receptores da IL IL foram primeiro identificados em células de linhagem da doença de Hodgkin, podendo ser um dos fatores de crescimento e de marcadores prognósticos da doença.

A IL é uma citocina estimulatória. Macrófagos, mastócitos, eosinófilos, megacariócitos, basófilos e células progenitoras da medula óssea produzem e expressam receptores para esta citocina, os quais também podem ser encontrados em leucemia mielóide crônica, participando da patogênese desta. A IL-7 é secretada por células estromais da medula óssea e também por células tímicas.

Faça o download também: FARRA DE RICO MP3 DOWNLOAD GRATUITO

Estimula blastos formadores de colônias de eosinófilos a responderem a IL A atividade principal da IL-4 é determinar o perfil da resposta imune em Th2. A IL-5 é produzida produzida principalm principalmente ente por por linfócitos linfócitos T Os antibióticos macrolídeos podem atuar estimulando sua síntese por monócitos. I L A síntese é inibida por IL-4 e pela própria IL Desta forma IL atua diminuindo a resposta inflamatória. A estrutura química da IL lembra a da IL, com pares bases.

Apenas um receptor foi descrito. Sua síntese é feita principalmente por monócitos ativados. Pode ser inibi-da por corticosteróides e ciclosporina A. É mitógeno para células B Propriedades antigênicas e atividades funcionais desta citocina mostram pronunciada homologia ao fator Bb do complemento. A imunidade inata protege contra fungos, vermes e bactérias. Tem memória é especificidade.

Células Th1 e Th2 afetam células diferentes e influenciam o tipo da resposta imune. Além disso, citocinas Th2 também ativam granulócitos.

Assim, a resposta imune é dirigida ao tipo de resposta que é requerida para lidar com o patógeno encontrado — respostas mediadas por células para patógenos intracelulares ou respostas humorais contra patógenos extracelulares. A figura 4 sumariza as interações que ocorrem entre célula B e célula T.

Além disso, citocinas citocinas produzidas pelas células Th2 Th2 ajudam as células B a proliferarem e se diferenciarem em plasmócitos secretores de anticorpos. Diferentes citocinas influenciam a mudança para classes diferentes de anticorpos com diferentes funções. Dessa forma a resposta humoral é desenhada para se ajustar ao tipo de patógeno encontrado ex.

Imunologia Celular e Molecular (Abbas) – 8ª ed. PDF

Uma característica importante dessas células é que elas se auto-renovam, contrariamente contrariamente às células B convencionais que precisam ser substituidas na medula óssea.

Eles precisam diferenciar-se em células efetoras totalmente funcionais. Isto é mostrado na. A morte morte por LTC é antígeno-específica. A morte por LTC requer contato contato celular. Em todos os casos a morte das células-alvos é resultado de apoptose. Morte mediada por grânulos: LTCSs totalmente diferenciadas têm numerosos grânulos que contém perforina e granzimas. Entretanto, devido à sua potente atividade, macrófago pode também danificar tecidos. Diferentes tipos de agentes infecciosos estimulam tipos distintos de respostas imunológicas e desenvolveram mecanismos ímpares para escapar da imunidade.

A imunidade natural contra as bactérias bactérias extra-celulares é mediada mediada pelos fagócitos e pelo sistema de complemento as vias alternativa e de lectina. A principal resposta imunológica adquirida contra bactérias extra-celulares consiste em anticorpos específicos que opsonizam as bactérias para a fagocitose e ativam o sistema do complemento.

A imunidade natural contra bactérias intra-celulares é mediada principalmente pelos macrófagos. As respostas protetoras aos fungos consistem principalmente em imunidade natural, mediada por neutrófilos e macrófagos, e imunidade adquirida, mediada por células e humoral.

LIVRO ABBAS BASICA BAIXAR IMUNOLOGIA

A diversidade estrutural e antigênica dos parasitas patogênicos é refletida nas diferentes respostas imunológicas adquiridas que eles desencadeiam. De acordo com o tipo de doador, os transplantes podem ser classificados como autotransplantes transplantes autólogos , alotransplantes alotransplantes transplantes alogênicos ou xenotransplantes transplantes xenogênicos.

Os transplantes autólogos ocorrem quando o tecido enxertado provém do próprio receptor. Existem animais desenvolvidos e criados para fins de pesquisa científica que constituem as linhagens isogênicas de camundongos, ratos, hamsters e outras espécies. Um terceiro tipo de transplante, que constitui o caso mais comum nos transplantes clínicos, é o alogênico, realizado entre indivíduos da mesma espécie, mas que tenham uma bagagem genética distinta. No transplante alogênico podemos distinguir 3 tipos de doador.

Este peptídio de aproximadamente A cadeia alfa mais longa, tem peso aproximado de 35 kd. A cadeia beta, mais curta, tem peso aproximado de 28 kd, e é a que apresenta os sítios alogênicos. Assim, a possibilidade de que um transplante seja bem sucedido se deve, em grande parte, ao grau de compatibilidade entre doador e receptor.

O doador deve ser normal, do ponto de vista clínico e emocional. O primeiro aspecto a ser considerado é a compatibilidade ABO entre doador e receptor, respeitando-se as mesmas regras utilizadas para as transfusões sanguíneas. Se o este for negativo para células B, o transplante pode ser realizado. O comprometimento dos vasos é evidenciado pela hemorragia que se segue. Estes leucócitos passageiros correspondem à linfócitos T e B, alguns monócitos e macrófagos, além de células dendríticas, fortemente ligadas ao tecido transplantado.

Todas estas células, principalmente as células dendríticas, apresentando antígenos de histocompatibilidade em sua superfície, funcionam como células apresentadoras de antígenos. Os próprios leucócitos passageiros, funcionam tanto como Ag quanto como APCs, estimulando diretamente o sistema imune do receptor.

Imunologia Celular e Molecular, Abul K. Abbas - Livro - Bertrand

Linfócitos B estimulados passam a produzir anticorpos específicos, liberados localmente ou no sangue, interagindo também com os antígenos apropriados. Entretanto, células Tc, anti-classe I, podem ser estimuladas caso haja citocinas pro-inflamatórias em quantidade suficiente para tanto.

Estes anticorpos podem ser policlonais ou monoclonais. Uma das desvantagens desta terapia é a variabilidade de potência e pureza dos reagentes empregados.

LIVRO ABBAS BASICA BAIXAR IMUNOLOGIA

Micobacterioses atípicas, causadas por agentes como M. Na realidade, a maior parte dos conhecimentos adquiridos sobre a imunobiologia dos transplantes e muitos dos conhecimentos atuais sobre a imunologia em geral, devem-se aos estudos envolvendo esse tipo de cirurgia. Assim, podemos considerar que as informações apresentadas até o momento aplicam-se plenamente aos transplantes renais humanos.

O primeiro transplante cardíaco humano foi realizado em , tendo-se um chipanzé como doador. O transplante foi rejeitado em pouco tempo, bem como as demasi tentativas da época.

Até pouco tempo, a maioria dos doadores de medula óssea era constituída de gêmeos idênticos ou parentes com fenótipo HLA idêntico. No caso de células de medula idênctica ou autoenxerto, haveria maior probabilidade das células leucêmicas passarem despercebidas pelo novo sistema imune. Em geral todo o tecido sanguíneo do receptor é substituído pelas células do doador, embora haja raros exemplos de quimerismo, mais freqüentemente nos casos em que o transplante é feito nos pacientes com imunodeficiência congênita.

A doença doença do enxerto enxerto versus versus hospedeiro hospedeiro manifesta-se manifesta-se devido a diferenças diferenças nos antígenos de histocompatibilidade entre doador e receptor e manifesta-se clinicamente pelo aparecimento de exantema, diarreia intensa e icterícia. A imunologia tumoral é o estudo das propriedades antigênicas dessas células transformadas pois um grande problema para o hospedeiro consiste na semelhança dessas células com as células sadias , da resposta imunológica do hospedeiro contra essas células, das consequências do crescimento das células malignas para o hospedeiro e dos meios pelos quais o sistema imune deve ser modulado para erradicar as células tumorais.

Também representam um auxílio quando recrutadas pelas células T. Além disso podem atuar diretamente como células efetoras mediando a lise do tumor. EX: A tireoidite de Hashimoto. EX: Na síndrome de Sjogren. Doenças sistêmicas: sistêmicas : se manifestam de forma mais ampla, como se houvesse uma completa anarquia do sistema imune.

LIVRO IMUNOLOGIA BASICA ABBAS BAIXAR

Como exemplo destaca-se o Lupus eritematoso sistêmico. Este é o chamado mimetismo antigênico. Deficiência genética dos mecanismos de controle de tolerância. É a hipersensibilidade tipo II. Hpersensibilidade tipo IV.

Exemplos de doenças auto-imunes Miastenia Grave: Grave: Miastenia é uma doença neuromuscular, caracterizada por fraqueza que aparece após o exercício físico ou no final do dia. Esse cansaço após atividade é chamado de fadiga. Esta doença acomete principalmente o gênero feminino 6 mulheres para 4 homens , preferencialmente entre as idades de 20 a 35 anos. Devemos lembrar que o uso de doses exageradas da Piridostigmina pode desencadear fraqueza semelhante à crise miastênica.

Esse quadro é chamado de Miastenia Neonatal Transitória. Tireoidite de Hashimoto: Hashimoto: É a mais comum causa de tireoidite e a principal causa de hipotireoidismo.

Sintomas: Hipertireoidismo, hipotireoidismo. Diagnóstico Clínico: aumento da tireoíde, bócio. Tratamento do hipotireoidismo: o tratamento standard para hipotireoidismo é hormônio da tireóide em comprimidos. O hormônio tireoideo preferido para tratamento é a Levotiroxina T4 , encontrados no comércio com alguns nomes diferentes. Alguns pacientes, algumas vezes, tomam quantidades exageradas de comprimidos tentando acelerar a velocidade de tratamento ou perder peso.

Você deve tomar os comprimidos como seu médico prescreveu. Lupus Eritematoso Sistêmico: Sistêmico: Lupus Eritematoso Sistêmico LES é uma doença crônica de causa desconhecida, onde acontecem alterações fundamentais no sistema imunológico da pessoa, atingindo predominantemente mulheres.

LIVRO ABBAS BAIXAR IMUNOLOGIA BASICA

Ou seja, a pessoa se torna "alérgica" a ela mesma, o que caracteriza o LES como uma doença auto-imune. A maioria dos casos de LES ocorre esporadicamente, indicando que fatores genéticos e ambientais tem um papel importante na doença. Alguns pacientes nunca desenvolvem complicações severas.

Histórico: Em , o médico francês Pierre Lazenave observou pessoas que apresentavam "feridinhas" na pele, como pequenas mordidas de lobo.

Uma pessoa pode ter LES se 4 critérios estiverem presentes: Critérios de pele: 1. Algumas perguntas feitas ao paciente podem ajudar bastante no diagnóstico. Mais do que o normal? Your name. Close Send. Remember me Forgot password? Our partners will collect data and use cookies for ad personalization and measurement.